terça-feira, 24 de julho de 2012

Lição para psicólogos

"O próprio Freud afirma que o fato de uma ideia satisfazer um desejo não implica necessariamente que a ideia seja falsa. Considerando que os psicanalistas chegam, por vezes, a esta conclusão errada, faço questão de sublinhar essa observação produzida por Freud. Na realidade, há muitas ideias, tanto verdadeiras como falsas, às quais o homem chegou porque desejava que a ideia se tornasse numa verdade. A maioria das descobertas resultaram da vontade de provar que uma coisa é verdadeira. Ainda que a presença dessa vontade possa originar suspeitas no observador, nunca pode tornar inválidos um conceito ou uma afirmação. O critério de validade não reside na análise psicológica da motivação, mas sim no exame das provas contra ou a favor de uma hipótese, dentro do seu enquadramento lógico." (Erich Fromm, Psicanálise e Religião)



Nenhum comentário:

Postar um comentário